Autora

12279240_10208129858471354_4431384788360516951_n

25 anos. Historiadora, paulistana, vegana e bailarina.

2 comentários em “Autora

  1. Adorei a iniciativa…

    também viajei sozinha por 2 anos, de bicicleta pela américa do sul no projeto “Uma pedalADA pela América”.

    As perguntas diárias eram: você não tem família? Onde está seu marido/companheiro? Mas sozinha? É muito perigoso! E mesmo quando estava na companhia de outras mulheres para os outros estávamos sozinhas…

    Essa é a triste realidade, de todos os 12 países e 15 estados brasileiros pelos quais eu passei.

    Mas acho que nosso papel é esse, incentivar e mostrar a outras garotas que sim é possível cair na estrada sozinha…isso faz muito bem.

    Alertar também dos perigos é importante.

    Espero que mais mulheres possam perder o medo e cair na estrada também….

  2. Também achei sensacional. Fiz um mochilão sozinha quando tinha 25 anos e em uma parte da viagem conheci uma australiana e resolvemos viajar juntas para conhecer o Marrocos. Lembro que minha família quando soube que eu estava pelo Marrocos, ficou apavorada achando que eu poderia ser trocada por camelos! E também lembro de uma cena em que eu estava em uma praia em um festival no Marrocos e vi uns meninos locais jogando bola, brincando de passe na areia da praia e , acostumada a rodas de altinha em Ipanema, fui eu lá no meio deles para jogar..

    E os meninos ficavam confusos perguntando: mas onde está o seu marido? Você joga bola?

    Sua ideia é ótima, viajar sozinha é a melhor forma mesmo de se conhecer e ampliar seus horizontes físicos e mentais. Boa sorte no projeto!

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.